Notícias
construção sustentável

The New York Times busca eficiência energética

Sucena Shkrada Resk - Planeta Sustentável - 31/08/2011

O projeto de eficiência energética que está sendo adotado na sede do jornal norte-americano The New York Times foi um dos casos apresentados, nesta semana, no Greenbuilding Brasil - Conferência Internacional & Expo 2011*, em São Paulo, sob realização do GBC - Green Building Council Brasil. O consultor Glenn Hughes, diretor de construção da empresa, citou que um detalhe importante neste processo é a formação de um banco de dados sobre as readequações, para que seja facilitada a gestão de uma construção sustentável. 

Segundo ele, as ações mais efetivas tiveram início em 2008, com a meta de redução de consumo de energia na faixa de 60 a 70%, com o parâmetro de 4,18 watts por m2. "Em 2000, o gasto de energia era muito maior do que necessitaríamos no futuro. Com as readequações conseguimos chegar a esse resultado de economia, com o apoio de centros de pesquisas e universidades". 

Um dos detalhes desse projeto, segundo ele, foi o de se optar por persianas levantadas na maior parte do tempo. "A auto-operação representa 95,77% e as pessoas não precisam mudar as posições manualmente. Isso só ocorre em 4,23%". Apesar da automatização, parecer num primeiro momento, uma ação na contramão da economia, Hughes disse que o processo é mais eficaz. "Criamos uma maquete para fazer experiências com a iluminação, que foi testada em laboratório. Dados como conforto e desconforto visual foram avaliados. Então, definiu-se qual seria o ‘ofuscamento necessário, para se chegar a esse sistema". 

Leia também:
LEED: nova versão da certificação será mais rigorosa
Madeira ilegal ainda é um desafio no Brasil
Soluções sustentáveis na construção há mais de 40 anos
Greenbuilding: o apelo social nas construções
MMA conta como começou a adequar seu prédio
Greenbuilding: certificação LEED deve ser ampliada

*Greenbuilding Brasil

comments powered by Disqus