Notícias
tecnologias verdes

Satélite solar da Nasa pode trazer energia à Terra

Vanessa Daraya - INFO Online - 13/04/2012

Durante o próximo ano, o satélite solar SPS-ALPHA (Solar Power Satellite via Arbitrarily Large Phased Array) começará a ser estudado por uma equipe de cientistas.

O programa Innovative Advanced Concepts (NIAC), do Laboratório de Propulsão a Jato (JPL), da Nasa, conta com John Mankins, da Artemis Innovation Management Solutions de Santa Maria, Califórnia. Mankis recebeu uma bolsa da Nasa especialmente para estudar a energia solar vinda do espaço.

O objetivo da pesquisa era conseguir desenvolver um satélite capaz de captar energia solar. Então, surgiu o SPS-ALPHA, criado para estabelecer as bases para esse novo tipo de satélite.

A partir de agora, a equipe da Artemis, coordenada por Mankins, vai começar a fazer uma série de provas e experimentos tecnológicos para rever os mecanismos de funcionamento do SPS-ALPHA. Dessa forma, será possível provar a capacidade do satélite em transferir grandes quantidades de energia para a Terra.

O satélite é baseado no conceito bio-memetics. Isso significa que ele é feito de substâncias, dispositivos e sistemas que imitam a natureza, o que ajuda na redução dos custos.

Ele vai pesar de 49,5 a 198 quilos e terá um grande número de espelhos móveis de uma película fina sobre sua superfície curva. Dessa forma, ele conseguirá uma produção em massa com baixo custo.

Estes espelhos vão receber e redirecionar a luz solar para as células fotovoltaicas viradas para o espaço. O outro lado, que fica voltado para a terra, terá painéis de transmissão de potência por micro-ondas, que vai transmitir energia por um feixe de baixa intensidade de energia de rádio frequência.

comments powered by Disqus