Notícias
mudança

Rajendra Pachauri renuncia ao cargo de presidente do IPCC

Vanessa Daraya - Planeta Sustentável - 24/02/2015

[img1][box-leia]Após o início das investigações pela polícia de Nova Deli por suposto abuso sexual, o indiano Rajendra Pachauri renunciou ao cargo de presidente do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC), hoje, 23/02, apesar de negar as acusações.

Cientista, de 29 anos, que trabalhou para Pachauri em centro de estudos da capital indiana, o acusou de assédio sexual. Segundo a polícia, ela denunciou comportamento inapropriado praticado por ele em e-mails, mensagens no celular e pelo aplicativo Whatsapp. Pachauri nega as acusações e afirma que teve e-mail e smartphone hackeados.

Por conta dessas acusações, Pachauri já havia cancelado sua participação em evento do IPCC em Nairóbi, na capital do Quênia, que começou hoje e vai até 27 de fevereiro. Agora, diante da renúncia, a instituição designou o vice-presidente Ismail El Gizouli como presidente interino. "As decisões tomadas hoje garantirão que a missão do IPCC de avaliar as alterações climáticas continuará sem interrupção", esclareceu Achim Steiner, diretor executivo do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA), em nota.

Pachauri presidia o IPCC desde 2002. Foi reeleito em 2008 e seu segundo mandato terminaria em outubro, quando a eleição para escolher um novo presidente está marcada.

Em 2007, o ex-presidente do IPCC recebeu o prêmio Nobel da Paz em nome da instituição. Em carta enviada hoje ao secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, disse: "Para mim, proteger o Planeta Terra, a sobrevivência de todas as espécies e a sustentabilidade de nossos ecossistemas é mais do que uma missão. É minha religião e meu dharma”.

“O IPCC precisa de forte liderança, dedicação de tempo e atenção total pelo presidente no futuro imediato, o que diante das circunstâncias eu posso estar impossibilitado de fornecer, como mostrou minha incapacidade de viajar a Nairóbi para comandar a sessão plenária do painel nesta semana. Tomei, portanto, a decisão de renunciar ao cargo de presidente do IPCC, alguns meses antes de completar meu segundo mandato", explicou. Pachauri também se colocou à disposição da instituição para ajudar, apoiar e a aconselhar no que for preciso.

comments powered by Disqus
Tags: