Notícias
vida nova

Tecnologia da Nasa quer salvar os Beagles de laboratório

Marcus Vinícius Brasil - Info.com - 12/02/2014

[img1] 

[box-leia]A Nasa trabalha nas tecnologias e ideias mais legais do planeta, como enviar pessoas à superfície de asteroides e sondas para fora do Sistema Solar. Mas alguns de seus projetos também têm aplicações terrenas - não que isso signifique que sejam menos malucos. Um exemplo é o anúncio de duas novas tecnologias que a Agência Espacial Americana está desenvolvendo junto com a GRoK Technologies, uma empresa de Houston. 

A primeira se chama BioReplicates. Ela vai possibilitar a criação de modelos tridimensionais de tecidos humanos, que podem ser utilizados em testes de cosméticos, remédios e outros produtos, para testar sua toxicidade e segurança. Além de garantir custos menores, esse avanço vai diminuir a dependência de animais - como Beagles e camundongos - nesse tipo de teste. 

A segunda se chama Scionic, e pretende acelerar o desenvolvimento de equipamentos médicos que aliviem dores nos ossos e músculos, sem cirurgias ou uso de remédios. "A Nasa está interessada no potencial dessas tecnologias para regeneração de ossos e músculos", diz o comunicado. 

Ou seja, a tecnologia poderia transformar qualquer um num potencial Wolverine, capaz de regenerar seus tecidos. Ainda não há detalhes de como esse equipamento funcionaria, mas a agência afirma que poderia utilizá-lo em longas viagens espaciais, em que astronautas sofrem com perda óssea.  "Não é mais ficção científica", conclui a Nasa.