Notícias
ameaça de extinção

Morre um dos últimos rinocerontes-brancos do norte

Gabriel Garcia - INFO Online - 23/10/2014

[img1][box-leia]Um dos últimos rinocerontes-brancos do norte (Ceratotherium simum cottoni) morreu no Quênia no sábado (18), segundo uma entidade que cuida da preservação dessa espécie.

Restam na Terra seis rinocerontes-brancos do norte, deixando o animal próximo da extinção.

Batizado de Suni, o rinoceronte de 34 anos foi encontrado morto na reserva Ol Pejeta, a 250 quilômetros de Nairobi.

A entidade afirmou que Suni não foi caçado, mas a causa de sua morte ainda não está clara. Ele era um dos dois últimos machos reprodutores da espécie.

Nascido em um zoológico da República Tcheca, Suni foi trazido para o Quênia junto com outros quatro rinocerontes-brancos do norte.

A intenção da entidade que luta pela preservação da espécie era criar uma reserva que fornecesse condições para que os animais pudessem se reproduzir.

Mas, apenas no ano passado, 59 rinocerontes foram mortos por caçadores no Quênia. O chifre do animal é vendido por até 65 mil dólares em mercados de rua na Ásia.

comments powered by Disqus
Tags: