Notícias
Flavio Tavares / AE / Wikimedia Commons
reino animal

Morre o último gorila macho em cativeiro da Am. do Sul

Anderson Estevan - National Geographic Brasil Online - 08/03/2012

O gorila Idi Amin, o único macho de cativeiro da subespécie Gorilla gorilla gorilla na América do Sul, morreu ontem (7), em sua jaula no zoológico de Belo Horizonte. O anúncio oficial foi feito pela Fundação Zoo-botânica de Belo Horizonte (FZB-BH), órgão que administra o zoológico da capital mineira. 

Idi tinha 37 anos e a causa de sua morte foi uma parada cardiorrespiratória. De acordo com a Fundação Zoo-botânica o animal já apresentava um quadro debilitado desde o final de 2011. Idi estava recebendo tratamento para uma ferida em seu braço esquerdo e apresentava sinais de insuficiência renal crônica e osteoartrite, que vinham sendo controladas já há alguns anos pela equipe de veterinários do parque.

De acordo com o FZB-BH, a idade avançada do animal e a ação conjunta destas enfermidades contribuiu para a rápida piora em seu estado de saúde nas últimas semanas.Ainda hoje será realizada a necropsia do animal. O resultado deverá ficar pronto em aproximadamente 30 dias, com o laudo final da causa da morte de Idi.

Criticamente ameaçado, segundo a União Internacional para Conservação da Natureza (IUCN), o animal perdeu cerca de 80% de seus espécimes nas últimas duas gerações.

Depois de ser capturado na África, Idi foi enviado para o zoológico francês Saint-Jean-Cap-Ferrat e chegou ao Brasil em 1975, acompanhado uma fêmea, de nome Dada, que morreu em 1978 devido a uma infecção generalizada.

Logo que chegou, o animal recebeu este nome em homenagem a Idi Amin Dada, o ditador que governou Uganda de 1971 a 1979. O nome foi escolhido após uma votação popular na capital mineira.

Em 1984, o Zoológico de Belo Horizonte recebeu outra fêmea de gorila chamada Cleópatra, procedente do Zoológico de São Paulo, porém ela faleceu 14 dias após sua chegada. Um novo esforço foi feito para que Idi se reproduzisse, com a chegada das fêmeas Imbi e Kifta, em 2011. Durante o período em que estiveram juntos, foram registrados pelo menos três acasalamentos entre Idi e a fêmea Imbi, mas sem indícios de gestação.

comments powered by Disqus