Notícias
acidente nuclear

Japão: radiação está 3.3 mil vezes acima do limite

Paula Rothman - INFO Online - 30/03/2011

O mar próximo à usina de Fukushima, no Japão, está com 3.355 vezes mais iodo radioativo do que o limite de segurança. As informações são da agência EFE e foram fornecidas hoje pela Agência de Segurança Nuclear do Japão. 

Segundo a agência, o raio de 20km de evacuação ao redor da usina garante a segurança das pessoas mesmo com essas taxas. Como o iodo 131 radioativo se degrada à metade em oito dias, as autoridades afirmam que ele se diluirá progressivamente no oceano sem trazer riscos à população. A Agência de Segurança Nuclear alertou, no entanto, que a pesca ainda está proibida na região 

As amostras analisadas vieram de um local a 330 metros ao sul de uma das saída de água dos reatores 1 a 4; já 50 metros ao norte da usina, próximo aos reatores 5 e 6, o nível de iodo radioativo era menor, mas ainda alto: 1.262 vezes superior aos padrões.

Leia também:
Audiência pública tratará do Complexo de Angra 
Energia nuclear divide especialistas
Especialistas japoneses comentam alerta nuclear no Japão
Segurança nuclear é ilusória, diz José Goldemberg 
Crise japonesa ajuda renováveis
Japão: vazamento nuclear é confirmado
INB diz que apresentará plano de recuperação em junho

comments powered by Disqus