Notícias
CBERS-4

Após fracasso, Brasil e China lançam novo satélite para monitorar a Amazônia em 2014

Redação - Veja.com - 18/12/2013

[img1]

[box-leia]O Brasil e a China planejam enviar um novo satélite ao espaço em 2014, após o fracasso da última tentativa, dia 9. O anúncio foi feito nesta terça-feira pelo ministro das Comunicações, Paulo Bernardo Souza.

Durante a construção do CBERS-3, satélite lançado na última semana, todas as peças foram duplicadas. Essas réplicas estão sendo enviadas à China para análise. Segundo o ministro, ainda não se sabe se o novo equipamento será montado no Brasil ou na China.

O satélite CBERS-4 estava previsto para 2015. Por causa do fracasso do CBERS-3, provocado por uma falha no veículo lançador, seu sucessor foi antecipado. Fruto de uma parceria entre os dois países, o satélite contará com câmeras de vigilância remota capazes de melhorar a observação do desmatamento da Amazônia.

O satélite da última semana foi o quarto lançado conjuntamente pelos dois países, parte do Programa de Satélite Chinês-Brasileiro de Vigilância Remota (CBERS, na sigla em inglês). Ele custou ao Brasil 160 milhões de reais. O CBERS-3 substituiria o CBERS-2, colocado em órbita em outubro de 2003 e que deixou de funcionar em 2010.

(Com agência EFE)