Notícias
saúde

EUA aprovam remédio de prevenção à infecção por HIV

Marcela Puccia Braz - National Geographic Brasil Online - 19/07/2012

[box-leia]Pela primeira vez, adultos não infectados pelo retrovírus HIV podem tomar remédio para reduzir o risco de contraí-lo sexualmente. O FDA (Food and Drug Administration) aprovou, nesta segunda-feira (16), o uso do medicamento Truvada preventivamente contra o HIV-1, a forma mais comum do vírus.

Embora a aprovação seja uma novidade, o medicamento já existia. Em 2004, o Truvada foi liberado para tratar, combinado a outros remédios, adultos e crianças soropositivos acima de 12 anos.

Foram realizados dois testes. No grupo formado por 2.500 gays, bissexuais e transgêneros, a ingestão diária do medicamento resultou na redução do risco de infecção em 42%. Já no grupo composto por 4.800 casais heterossexuais com um dos parceiros positivo para HIV, o risco de contágio baixou em 75%.

O Truvada é uma combinação de dois remédios antirretrovirais (tenofovir e emtricitabine) usados para tratar o HIV. Quando utilizado no tratamento da doença o remédio é combinado a um terceiro. Mas, para ser ingerido como preventivo, a pessoa não pode ter sido diagnosticada como portadora do HIV nem ter tido hepatite B. Além disso, o uso requer acompanhamento em caso de histórico de doenças ósseas ou renais.

comments powered by Disqus