Notícias
proteção

Estudantes criam jogo sobre turismo sustentável lançado em crowdfunding

Suzana Camargo - Planeta Sustentável - 10/11/2014

[img1][box-leia]O Brasil é um dos países mais ricos do mundo em biodiversidade. Grande parte desta riqueza da fauna e flora brasileiras estão dentro de Unidades de Conservação (UCs), áreas de proteção ambiental. Estes locais, que fornecem importantes serviços ambientais ao planeta todo, também têm um enorme potencial a ser explorado pelo turismo sustentável.

Para colocar este tema em debate, alunos da disciplina Formação Integrada para a Sustentabilidade da FGV-EAESP foram desafiados a criar um jogo de tabuleiro que ajude - de maneira lúdica e divertida - as pessoas envolvidas na gestão das Unidades de Conservação a pensar novas alternativas e modelos econômicos para estas áreas.

A viabilidade deste projeto depende de doações de crowdfunding. Por isso, os estudantes criaram um financiamento coletivo no site do Catarse e você pode ajudar.

Segundo estudos já realizados pelo grupo da FGV, com investimentos mínimos, o turismo sustentável nas áreas de proteção ambiental poderia gerar mais de 50 bilhões de reais e 55 mil empregos nos próximos dez anos no Brasil.

Organizações não-governamentais, como SOS Mata Atlântica e Semeia, apontam que em outros países o turismo já é um dos principais responsáveis por custear a conservação da biodiversidade. Na Austrália, em 2007, o turismo nos parques nacionais injetou 30 bilhões de reais na economia local. Na África do Sul, 75% das despesas de conservação dos parques são pagas pelas atividades turísticas.

Estes são exemplos que podem - e devem - ser replicados no Brasil, de maneira responsável e sustentável. O turismo pode ser um grande aliado para a proteção dos animais e plantas brasileiros.

Se você acredita nesta causa e quer apoiar o projeto dos alunos da FGV, faça sua contribuição até 26/11. Confira abaixo o video de divulgação do crowdfunding:

 

comments powered by Disqus
Tags: