Notícias
chega de fiu-fiu

Documentário quer debater assédio a mulheres nas ruas do país

Suzana Camargo - Planeta Sustentável - 24/11/2014

[img1][box-leia]O que para os homens parece uma gracinha ou brincadeira, para as mulheres soa como insulto e assédio sexual. Isto é o que revelou uma pesquisa realizada pela organização Think Olga* no ano passado. O grupo trabalha a questão do papel da mulher e a feminilidade na sociedade atual.

 

Das quase 8 mil participantes entrevistadas, 99% afirmaram já terem sido assediadas e 83% não gostaram de ser abordadas desta maneira (com cantadas em espaços públicos).

Para debater este péssimo hábito cultural brasileiro, o Think Olga quer produzir um documentário sobre o assunto - Chega de Fiu-Fiu. O filme pretende estabelecer um diálogo entre vítimas, os que praticam o assédio e especialistas no tema.

 

A ideia é descobrir motivações, causas, contexto social e soluções para a violência. Sim, é uma violência, já que comentários eróticos são feitos sobre o corpo das mulheres sem seu consentimento.

O documentário vai usar dados da pesquisa feita em 2013 e do site Mapa Chega de Fiu-Fiu (que coleta informações e denúncias sobre histórias e locais onde os assédios acontecem no país inteiro). Para viabilizar a produção do filme, o Think Olga criou um crowdfunding, sistema de financiamento coletivo.

Em menos de 24 horas, o projeto bateu sua primeira meta e arrecadou 20 mil reais. Ele alcançou o 4º lugar no ranking de campanhas que mais arrecadaram em seu primeiro dia no Catarse (1º lugar entre as iniciativas da categoria Cinema & Vídeo).

Mas este é só o começo! Ainda falta dinheiro para financiar todo o projeto. A equipe do Fiu-Fiu precisa de 80 mil reais. Por isso, se você apoia esta causa, quer ajudar a entender mais e mudar este comportamento das ruas brasileiras, ajude o financiamento do documentário. As doações podem ser feitas no site do Catarse.

Confira abaixo o vídeo de divulgação do projeto Chega de Fiu-Fiu.

*Think Olga

comments powered by Disqus
Tags: