Notícias
clima e floresta

Diminui a queda de desmatamento da Amazônia

Sucena Shkrada Resk - Planeta Sustentável - 03/08/2011

O INPE – Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais divulgou, nesta terça-feira, o registro da diminuição da queda de desmatamento na Amazônia. Os dados acumulados entre agosto de 2010 e junho deste ano são de 2.429 km2 contra 2.295 km2, no período anterior. Isso significa que houve o crescimento em 6% e o cálculo total será fechado sobre julho. Os dados são originários do Deter – Detecção de Desmatamento em Tempo Real. Essas informações geram alerta quanto às ações do Brasil para o cumprimento da diminuição de emissões de Gases de Efeito Estufa (GEEs) em combate às Mudanças Climáticas.

Segundo o levantamento, uma extensão de 312,69 quilômetros foi desmatada em junho, principalmente na região de Altamira (PA) e Porto Velho (RO). O avanço de infrações na Amazônia está sendo associado à tramitação da votação do projeto de lei do novo Código Florestal na Câmara dos Deputados, desde abril, no auge da discussão sobre a possível anistia a desmatadores. 

O texto proposto, com relatoria do deputado Aldo Rebelo (PCdoB-SP), isenta os proprietários rurais de multas e demais sanções previstas na lei em vigor por utilização irregular de áreas protegidas, até 22 de julho de 2008. O PL foi aprovado na Casa e se encontra atualmente sob apreciação do Senado.
O Ministério do Meio Ambiente chegou a criar um gabinete de crise em maio deste ano, por causa da aceleração das devastações principalmente na região de Mato Grosso. Para isso, foi pedido apoio, inclusive, da Polícia Federal e da Força Nacional de Segurança.

comments powered by Disqus