Notícias
conservação

Desmatamento na Amazônia chegou a 225 km2 em julho

Sucena Shkrada Resk - Planeta Sustentável - 17/08/2011

Os números do desmatamento na Amazônia foram expressivos, durante o mês de julho, de acordo com dados divulgados pelo sistema DETER/INPE - Detecção do Desmatamento em Tempo Real, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais*. Totalizaram 224,94 km2 de área comprometida.

O Pará foi o estado em que houve a maior proporção, com 93,74 km2. Na sequência, ficou Rondônia, totalizando 42,42 km2, seguido de Mato Grosso, com 51,43 km2. Entre os munícipios, a ocupação dos primeiros lugares na devastação foi de Porto Velho, RO; Itaituba e Altamira, PA e Juina, MT. 

Segundo o INPE, um fator que compromete a exatidão desses dados é o fato da presença das nuvens serem variáveis, durante os períodos de apuração, que no mês passado, atingiu 7% do território de 392.924 km2, da Amazônia Legal. Em junho, por exemplo, ficaram encobertos 21%. Isso faz com que não seja recomendável fazer comparações com os meses anteriores.

*DETER

comments powered by Disqus