Notícias
em londres

App para iPhone premia quem anda de bike ou a pé

Vanessa Barbosa - Exame.com - 09/05/2012

Imagine ser recompensado monetariamente por deixar o carro em casa e ir a pé ou de bicicleta para o trabalho? Com a aproximação dos Jogos Olímpicos, essa é a tática que a prefeitura de Londres pretende adotar para estimular a mobilidade sustentável, reduzir a poluição e os níveis de congestionamento.

Por trás do bônus verde está a empresa Recyclebank que, em parceria com a companhia de transporte municipal Transport for London (TfL), criou um aplicativo para smartphone capaz de mensurar e pontuar os deslocamentos por meios alternativos de cada pessoa.

Quando um usuário digita o destino de sua viagem, o app re.route sugere rotas para percorrer a pé ou de bike. Quem segue uma das vias alternativas ganha cinco pontos de recompensa, que são então convertidos em prêmios resgatáveis na forma de descontos em lojas e cinemas conveniados.

O sistema também informa ao usuário quantas calorias queimou ao usar uma alternativa ao carro particular e aos transportes públicos. Disponível apenas para iPhone, o aplicativo começou a valer essa semana e no futuro há planos de gerar uma versão para Android.

A inciciativa vem de encontro com as propostas do prefeito recém reeleito Boris Johnson de tornar a cidade mais verde, especialmente com a aproximação dos Jogos Olímpicos, que promete movimentar o trânsito local em julho. Os britânicos conhecem bem os efeitos benéficos do transporte alternativo não só para o meio ambiente, mas para a economia. Segundo estudo da London School of Economics, a prática do ciclismo gera R$ 7,9 bilhões para os cofres britânicos anualmente. 

RECYCLEBANK
Criado há sete anos, o Recyclebank nasceu como um programa de incentivo à reciclagem, recompensando consumidores que descartam corretamente o lixo. As famílias participantes do programa conseguem receber até 200 dólares por ano. Atualmente, a iniciativa, presente no Reino Unido e nos Estados Unidos, conta com mais de 3 milhões de participantes e 3 mil estabelecimentos comerciais conveniados.

comments powered by Disqus