BLOGS |Planeta Urgente

Uso de maconha pode reduzir fatalidades no trânsito? José Eduardo Mendonça - 07/12/2011 às 12:33


É o que sugere um novo estudo

Nos Estados Unidos, onde em muitos estados se permite o uso de maconha para fins medicinais, o que tem provocado grandes polêmicas, um novo estudo controverso deve jogar mais lenha no debate.

De acordo com seus autores, Mark Anderson e Daniel I. Rees, a aprovacão de leis de uso de maconha para fins médicos em 16 estados também ajudou a reduzir as mortes no trânsito. Será mesmo? Baseados reduzem a velocidade?

Os autores baseiam sua tese em estatísticas compiladas usando o Sistema de Análise de Relatórios de Fatalidades, ou FARS, um banco de dados da Administração Nacional de Tráfego em Estradas. Nos 16 estados, as fatalidades no trânsito tiveram queda de até 9%.

As estatísticas do FARS não provam que as leis de maconha medicinal são a causa da diminuição de mortes no trânsito (tais estatísticas podem apenas estabelecer uma correlação), mas até o momento nenhuma pesquisa tinha sido feita para explicar a relação. Anderson e Rees oferecem algumas teorias.

Primeiro, eles sugerem que a marijuana é um substituto para o consumo de álcool. Basicamente, se as leis da maconha medicinal criam uma elevação de seu consumo, então talvez as pessoas estejam mais fumando baseados que ingerindo álcool. Isto, por sua vez, levaria a menos bêbados ao volante, o que explica a queda de fatalidades. Os autores examinaram dados que associam as leis da maconha com diminuição de drinques consumidos, especialmente na população de 20 a 29 anos de idade. Além disso, dados da Beer Institute, dos fabricantes de cerveja, mostra que as vendas de cerveja tendem a cair quando as leis da maconha entram em vigor, informa a Mother Nature Network.

Esta primeira teoria também se baseia na suposição de que dirigir bêbado é mais perigoso que dirigir “chapado”. Para tanto, os autores apontam para provas de que motoristas chapados “reduzem a velocidade, evitam manobras arriscadas e aumentam a distância dos outros carros”, informações encontradas em outras pesquisas.

Uma segunda hipótese, puramente especulativa, é que como o uso de maconha medicinal ainda não é permitido em público, usuários tendem a ficar em casa para fumar, e por consequência sofrem menos acidentes.

Foto: Dank Depot / Creative Commons

ver este postcomente
Comentários

07/12/2011 às 15:56 Morrâmulo - diz:

Não entendo porque bebidas alcoólicas ainda são permitidas e a maconha não! Imagino que seja por gerar mais impostos e talvez até mais empregos, mas se considerarmos o valor de uma vida, o que será mais importante?
5000 anos de maconha e nenhuma morte, o álcool mata todos os dias!!

07/12/2011 às 17:55 Jorge - diz:

Proibição da maconha nada mais é que moralismo burro.

07/12/2011 às 18:53 JET - diz:

Não pq o álcool é legalizado que a maconha também deveria ser. Se a maconha fosse tão livre de problemas ela seria totalmente legalizada ao invés de ser liberada apenas para uso medicinal.

08/12/2011 às 03:56 Man - diz:

JET,

Por acaso o alcool é para o uso medicinal?
MEDICINA – SALVAR VIDAS, MELHORAR SAÚDE DO HUMANO.

Agora é só raciocinar…
Antes de escrever isto pense na questão $$ + industria da bebida + cigarros. Vc nao acha que eles perderiam MUITO se a maconha fosse liberada?

Nao estou querendo impor nada, mas só pense neste lado.

Abraço

12/12/2011 às 22:36 Nátali - diz:

Só corrigindo… São dez mil anos de uso, sem sequer uma morte.

18/12/2011 às 20:43 Pedro - diz:

O álcool te deixa corajoso e a maconha, racional!

01/09/2012 às 10:31 Nilson - diz:

Maconha te deixa mais racional, na boa onde viram isso.
nada contra mais legalizar seria um exagero, ja temos drogas demais liberadas ( alcool e cigarro eu utilizo os dois ok ) antes de olhar só para nossos umbigos, pensem no geral se tem menor usando cigarro imagina maconha, da maconha a eperimentar cocaina é um pulo da cocaina ao crack uma piscada. Vc tem controle e seu amigo tem? Não pense só em vc deixemos de ser hipocritas temos que descriminalizar os usuarios mas liberar acho um pouco demais.
Apenas uma opinião.

02/09/2012 às 20:15 mozka - diz:

sou a favor da liberasao mais eu quando fumo e bebo fico muito mais descontrolado tambem e um problema

03/09/2012 às 19:14 Flavio - diz:

A Favor da legalização, pois é economicamente viável para o país, setor textil, alimentício, energético, medicinal e social…Criação de empreendedores de locais apropiado para o uso, etc…

25/09/2012 às 21:20 Henrique - diz:

Nilson – diz:
Maconha te deixa mais racional, na boa onde viram isso.
nada contra mais legalizar seria um exagero, ja temos drogas demais liberadas ( alcool e cigarro eu utilizo os dois ok ) antes de olhar só para nossos umbigos, pensem no geral se tem menor usando cigarro imagina maconha, da maconha a eperimentar cocaina é um pulo da cocaina ao crack uma piscada. Vc tem controle e seu amigo tem? Não pense só em vc deixemos de ser hipocritas temos que descriminalizar os usuarios mas liberar acho um pouco demais.
Apenas uma opinião.

como você diz ai, a maconha é um pulo para a cocaína e crack…
uma coisa eu posso te afirmar, muitas pessoas q bebem vão atrás de drogas + fortes muito + rápido quando estão bêbadas e assim o consumo delas começam aumentar cada vez mais.
E essa de dizer q isso é porta pra isso e pra aquilo, isso vai da cabeça de cada um !

09/03/2013 às 17:44 anjo da paz - diz:

menos erre na palavras fiquei um pouco estraçado com essa tal proibiçao , menos morte menos trafico !

Planeta Urgente

JOSÉ EDUARDO MENDONÇA

produziu uma série de reportagens pioneiras para o Jornal da Tarde, ainda em 1976, sobre fontes alternativas de energia e, logo depois, indo morar em Londres, tomou contato com o movimento que se chamava à época conservacionismo - e mais tarde se tornaria ambientalismo. Neste blog, escreve artigos e análises sobre temas ligados à sustentabilidade e ao ambiente, intercalados com posts sobre assuntos de destaque na imprensa internacional.

Clique e faça o download

Revista do clima Material de etiqueta

Posts anteriores

Receba as noticías mais recentes

assine RSS Planeta Urgente

Arquivos de posts