BLOGS |Planeta Urgente

Energéticos causam danos a adolescentes José Eduardo Mendonça - 15/02/2011 às 10:32


Bebidas são pouco estudadas

As bebidas energéticas são pouco estudadas, usadas em excesso e podem ser perigosas para crianças e adolescentes, alerta um relatório médico que diz que eles nem deveriam bebê-las.

Os danos potenciais, causados por muito cafeína, ou ingredientes semelhantes, incluem palpitação cardíaca, convulsões, AVCs e mesmo morte súbita, escrevem os autores na revista médica Pediatrics. Eles revisaram dados do governo e literatura científica, relatos de casos e artigos na mídia popular.  

O estudo pede que pediatras perguntem a pacientes e seus pais rotineiramente sobre o uso da bebida e que aconselhem contra. "Nós desencorajaríamos o uso rotineiro por crianças e adolescentes", diz Steven Lipshultz, chefe de pediatria da escola de medicina de Miami.

O relatório escrito por ele e seus colegas diz que bebibas energérticas contém com frequência ingredientes que podem potencializar o efeito de agitação da cafeína ou que podem ter outros efeitos colaterais, como náusea e diarréia. Os médicos sugerem que o uso destas bebibas deveria ser regulamentado, como acontece com tabaco, álcool e remédios com prescrição. "Não foram ainda estabelecidos níveis de consumo seguro para a maioria das crianças, adolescentes e jovens adultos".

Introduzidos no mercado há mais de 20 anos, são o setor da indústria de bebibas que mais rápido cresce nos Estados Unidos, e as vendas devem ultrapassar U$ 9 bilhões em 2011.

A Associação Americana de Centros de Controle de Envenenamento adotou no ano passado códigos para começar a rastrear overdoses de bebibas energéticas e seus efeitos colaterais, em escala nacional. De outubro a dezembro, foram registrados 677 casos. Neste ano, até o momento, 331 – mais de um quarto deles de crianças com menos de 6 anos de idade, relata o Newser.

Foto: Stefan Zanders

ver este postcomente
Comentários

15/02/2011 às 14:46 Anônimo - diz:

Eliane Fernandes – diz:A coisa é mtooo séria ms,como fla na repoertagem q deveria ser regulamentado, como acontece com tabaco, álcool e remédios c/prescrição é comédia né!?!… pq onde essas substâncias são regulamentadas aqui pelo Brasil mnunca vi.Ms o alerta e a reportagem vlw!!!

16/04/2012 às 16:43 luana - diz:

tenho 15 anos e estou gravida e adoro beber energetico, será que vai fazer mal tanto pra mim quanto pro meu bebe?

16/04/2012 às 16:55 José Eduardo Mendonça - diz:

Como minha área não é a medicina, eu acho que você deveria consultar seu médico. Minha impressão, porém, é que durante a gravidez as pessoas devem usar apenas os alimentos mais naturais e saudáveis – e não fumar de jeito nenhum.

22/08/2012 às 20:22 José Augusto Chaves - diz:

Boa Noite , Por favor , eu gostaria de receber mais informações sobre este tema. Grato

Planeta Urgente

JOSÉ EDUARDO MENDONÇA

produziu uma série de reportagens pioneiras para o Jornal da Tarde sobre fontes alternativas de energia e, logo depois, indo morar em Londres, tomou contato com o movimento do que se chamava à época conservacionismo - o que se tornou mais tarde ambientalismo. Neste blog, rastreia ações, políticas e o multifacetado pensamento sobre a questão socioambiental pelo mundo. As opiniões expressas nos veículos citados não são de responsabilidade do Planeta Sustentável, embora a divergência entre elas contribua com a dinâmica do debate.

Clique e faça o download

Revista do clima Material de etiqueta

Posts anteriores

Receba as noticías mais recentes

assine RSS Planeta Urgente

Arquivos de posts