BLOGS |Blog da Redação

Voluntários enfrentam perigo para salvar animais abandonados em zoo de Gaza Débora Spitzcovsky - 22/09/2014 às 09:00

voluntarios-gaza-salvar-animais-abandonados-zoo-560-1

Depois de 50 dias de guerra e milhares de mortes, Hamas e Israel assinaram acordo de cessar-fogo permanente no final de agosto, mas transitar pela região da Faixa de Gaza ainda não é seguro.

Apesar do perigo, grupo de voluntários decidiu se arriscar em nome de uma causa nobre: salvar os animais do zoológico de Al-Bisan, que ficaram completamente desamparados (e presos em suas jaulas) durante as semanas de conflito.

O pedido de ajuda veio do próprio diretor do zoo, Shady Hamad, que declarou não ter como administrar a situação sozinho. Além da ausência de comida e água, o zoológico, que era lar de cerca de 100 bichos, sofreu sucessivos ataques aéreos. 80 animais não resistiram, mas 20 ainda lutam pela vida e são exatamente esses que a equipe de voluntários, organizada pela ONG internacional Four Paws, foi amparar.

voluntarios-gaza-salvar-animais-abandonados-zoo-560-2

A equipe entrou em Gaza na semana passada com escolta militar e uma bagagem cheia de remédios e alimentos para os bichos. Até um freezer veio com os voluntários, para conservar a comida que trouxeram. Segundo eles, os animais (entre eles, macacos, leões e pelicanos) estão bastante debilitados fisicamente, além de assustados e traumatizados com a situação de guerra.

Agora, os voluntários estudam a possibilidade de retirar os animais do local, com segurança. A decisão deve ser tomada nos próximos dias, mas eles já avisaram: não arredam pé enquanto a integridade dos bichinhos não estiver 100% garantida.

voluntarios-gaza-salvar-animais-abandonados-zoo-560-3

Fotos: Mihai Vasile/Four Paws

ver este postcomente

Idosa de 99 anos costura um vestido por dia para crianças carentes da África Débora Spitzcovsky - 03/09/2014 às 09:00

idosa-99-anos-costura-vestido-dia-criancas-carentes-africa-560

Dizem que quando ficamos mais velhos adquirimos manias, e a de Lilian Weber, uma idosa de 99 anos que vive em Iowa, nos EUA, é simplesmente linda: há dois anos ela costura, todos os dias, um vestido para doar a crianças carentes da África.

A velhinha até confessa que conseguiria confeccionar mais de uma peça por dia, mas não o faz para caprichar nos modelitos. Seja por uma fita, um laço ou uma lantejoula, cada vestido é diferente “para que as meninas se sintam bonitas e orgulhosas de si mesmas”, disse Weber ao canal de TV WQAD.

A idosa já fez mais de 840 vestidos nesses dois anos de trabalho voluntário e até o dia do seu 100º aniversário, em 06/05/2015, quer chegar à marca de mil vestidos costurados. O motivo? Inspiração para seguir em frente! Sim, porque ela já avisou que não pretende parar tão cedo.

Com a ajuda da filha, Linda Purcell, todos os vestidos são encaminhados para a iniciativa Little Dresses for Africa, instituição beneficente, fundada nos EUA, que desde 2008 distribui vestidos para meninas carentes em orfanatos, escolas e igrejas de toda a África. Segundo a fundadora da iniciativa, 2,5 milhões de peças já foram distribuídas no continente.  

Curtiu a história de Lilian Weber? Você também pode costurar e doar vestidos para a Little Dresses for Africa. Há sedes de recebimento nos EUA, Canadá e Inglaterra. Saiba mais aqui

Se precisar de inspiração para seus modelitos, abaixo, um dos vestidos costurados pela idosa de 99 anos, já sendo usado por uma das crianças beneficiadas pela iniciativa. Êta sorriso que contagia!

idosa-99-anos-costura-vestido-dia-criancas-carentes-africa-560-3

Fotos: Reprodução/ TV WQAD

Leia também:
Superbanana pode ajudar a combater desnutrição na África 
Nigeriano revoluciona mercado com bonecas negras 
Gira-giras produzem energia para escolas na África 
Menina de 17 anos ajuda a manter bibliotecas na África 
Gisele Bundchen pela África 
Pedale uma bicicleta de bambu e ajude a mudar vidas na África 
África: a ajuda não ajuda?

ver este postcomente

Gravações feitas no WhatsApp viram histórias de ninar para crianças de abrigos Débora Spitzcovsky - 10/07/2014 às 10:23

gravacoes-whatsapp-historias-ninar-abrigos

Tem WhatsApp no seu celular? Sabe ler? Então você poderia ter ajudado a alegrar a noite de muitas crianças que vivem em abrigos e nem ficou sabendo. A Casa da Criança de Santo Amaro, em parceria com a agência Mood, criou a iniciativa Mensagens de Ninar, que pretende levar aos pequenos que vivem em lares temporários a experiência de dormir ao som de uma gostosa história de ninar.

Em abril, a entidade convidou voluntários a comparecer a algumas livrarias parceiras de São Paulo para ler trechos de livros infantis pré-selecionados. A leitura era captada pelo celular do próprio narrador, gravada como mensagem de áudio no WhatsApp e enviada a Casa da Criança de Santo Amaro instantaneamente.

Agora, a entidade vai compilar todos os trechos gravados por voluntários e criar audiolivros com vários contos de ninar. Toda a noite, uma historinha será colocada para tocar para os pequenos que vivem na Casa da Criança de Santo Amaro e para muitas outras crianças Brasil afora. Isso porque a entidade pretende criar uma espécie de biblioteca virtual na rede, para que abrigos de todo o país possam baixar e tocar as histórias para suas crianças.

De acordo com a entidade, ouvir contos antes de dormir diverte as crianças e, mais do que isso, ajuda no seu desenvolvimento, estimulando a criatividade e o gosto pela leitura. Boa ideia para replicar por aí?      

Foto: Katrina Br*?#*!@nd/Creative Commons

Leia também:
33 livros infantis sobre sustentabilidade para qualquer momento

ver este postcomente

Blog da Redação

A redação do PLANETA SUSTENTÁVEL é um encontro de pessoas envolvidas com um grande desafio: trabalhar a sustentabilidade como um tema urgente, transversal e inspirador, tradutível em múltiplas linguagens e necessário para os diversos públicos. Aqui, a editora Mônica Nunes, as repórteres Marina Maciel Vanessa Daraya e a jornalista Suzana Camargo (que colabora com o Planeta desde 2009) indicam lugares imperdíveis da web e contam novidades e boas histórias sobre cultura, sociedade, meio ambiente, cidadania, mudanças climáticas, mobilidade, inovação, direitos humanos, economia verde e muito mais.

Mônica NunesEditora/Gerente de Conteúdo

Marina MacielRepórter

Suzana CamargoColaboradora

Vanessa DarayaRepórter

Clique e faça o download

Revista do clima Material de etiqueta

Posts anteriores

Receba as noticías mais recentes

assine RSS Blog da Redação

Arquivos de posts